Suzano anuncia construção de fábrica de papel em Imperatriz

13 de novembro de 2015

/ Redação ImperNews
O investimento prevê a geração de, aproximadamente, 1.500 empregos durante a construção e 600 empregos permanentes.

 13/11/2015 às 19h10 - Redação ImperaNews
A máquina de papel deve iniciar a produção até o fim de 2017. (Foto: Reprodução/Assessoria)
IMPERATRIZ - A Suzano Papel e Celulose anunciou nesta quinta-feira (12) que irá investir cerca de R$ 1,6 bilhão em uma série de projetos que envolvem o aumento da capacidade de produção de papel e celulose nas unidades industriais. Um desses investimentos será a construção de uma planta para produção de papel tissue, em Imperatriz, com conclusão até o fim de 2017.

A Suzano prevê a geração de, aproximadamente, 1.500 empregos durante a construção e 600 empregos permanentes. Em Imperatriz, a capacidade de produção de papel será de 60 mil toneladas por ano.

Papel tissue
Os tissues são papéis sanitários resistentes, absorventes e suaves na forma de lenços de papel, papéis-toalha, guardanapos ou papéis higiênicos. O consumo deste tipo de papel vem crescendo no mundo inteiro, em razão da elevação dos padrões de vida e de higiene.

No Brasil, o consumo de papel higiênico tem migrado gradualmente dos produtos de folha simples, para os mais sofisticados, com folhas dupla e tripla. O mercado brasileiro consumiu 800 mil toneladas no ano passado. 

“Identificamos uma nova frente na qual conseguimos agregar valor à nossa celulose. Podemos ser muito competitivos e é isso que estamos propondo ao mercado”, afirma Walter Schalka, presidente da Suzano Papel e Celulose.
© Todos os direitos reservados
Desenvolvido para Portal ImperaNews