UFMA mantém greve e suspende matrícula de aprovados no SiSU

20 de junho de 2015

/ Redação ImperNews
As matrículas dos aprovados no SiSU estão suspensas por tempo indeterminado, em todos os campi da universidade.

 20/06/2015 às 19h10 - Redação ImperaNews
A suspensão das matrículas faz parte das ações da categoria. (Foto: Divulgação/UFMA)
IMPERATRIZ - Por causa da paralisação das atividades de professores e técnicos administrativos da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), estão suspensas por tempo indeterminado as matrículas dos candidatos aprovados na primeira chamada do Sistema de Seleção Unificada (SiSU 2015.2), que deveriam ocorrer no prazo de 19 a 23 de junho. A informação foi divulgada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Terceiro Grau no Estado do Maranhão (Sintema).

De acordo com o Sintema, a paralisação é estendida a todos os campi da universidade, inclusive no município de Imperatriz. A assessoria de comunicação da UFMA informou que a suspensão faz parte das ações da categoria.

A greve de professores na UFMA foi deflagrada no dia 10 de junho, após votação em assembleia, realizada pela Associação de Professores da Universidade Federal do Maranhão (Apruma) - Seção Sindical do Andes – SN, em São Luís.

Os servidores pressionam o governo federal pela ampliação dos investimentos na educação. Entre as reivindicações dos professores estão melhores condições de trabalho, garantia de financiamento público estável e suficiente às instituições, abertura de concursos públicos e a reestruturação da carreira.

Na UFMA, além dos professores, os técnicos administrativos também deliberaram por greve. A pauta dos servidores reivindica, entre outros itens, reposição salarial de 27,3% no piso da tabela, considerando as perdas de janeiro de 2011 a julho de 2016; aprimoramento da carreira, com correção das distorções; piso de três salários mínimos; e o fim da terceirização, que, segundo os funcionários, retira direito dos trabalhadores.
© Todos os direitos reservados
Desenvolvido para Portal ImperaNews