Casais devem separar a vida pessoal da profissional, afirma empresário

19 de fevereiro de 2015

/ Redação ImperNews
Com o devido respeito ao local e período de trabalho, não há motivos para que a empresa puna o funcionários por manterem relações.

 19/02/2015 às 08h06 - Letícia Sekitani / ImperaNews
Muitas vezes os casais não sabem separar o lado pessoal do profissional. (Foto: Reprodução Internet)
Há controvérsias sobre casais trabalhando juntos ou namoros que começam em empresas. Por mais que seja ilegal proibir esse tipo de relacionamento, corporações tentam evitar que aconteça. O motivo, segundo o empresário do ramo de tecidos, Ronaldo Freitas, é que muitas vezes os casais não separam a vida profissional da vida social.

“As pessoas devem respeitar o local de trabalho. Dentro da empresa todos são colegas e profissionais, fora, podem namorar, brigar e reatar, eu não ligo quando existe um namoro saudável aqui dentro”, explica o empresário.

Ronaldo conta que já teve que advertir funcionários pelo comportamento incompatível dentro da empresa. “Beijos e abraços em excesso são atitudes que não tolero aqui dentro, assim como brigas pessoais”, alerta.

O caso da auxiliar de logística, Lizzahara Meirelles, é um dos exemplos de discrição. Seus pais também se conheceram no ambiente de trabalho e a auxiliar de logística sabe bem separar o sentimental do profissional. Segundo ela, os colegas de trabalho só ficaram sabendo que havia um namoro no local quando ela e o parceiro completaram quatro meses de relacionamento.

“Passávamos um pelo outro no corredor e, no máximo, dávamos ‘bom dia’. Sempre foi de comum acordo, quando a gente entrava no ônibus pra ir pra fábrica já entrava a questão profissional, então só quando descíamos do ônibus da empresa, chegando em casa, era que voltava o lado casal, e aí sim nos beijávamos”, conta a auxiliar de logística.

Hoje em dia, Lizzahara e o noivo não trabalham mais na mesma empresa, mas ela gosta de estar com ele na sua outra profissão como fotógrafa. “Trabalhamos juntos no meu outro lado profissional, as fotos. Eu pretendo voltar a trabalhar com ele, gosto muito desse dia-a-dia juntos, há um ótimo companheirismo”, avalia.
© Todos os direitos reservados
Desenvolvido para Portal ImperaNews