A+ A- P
Dentre os cargos criados estão 15 vagas para Analista Ministerial e 25 para Técnico Ministerial. Os salários oferecidos podem chegar a R$ 15.832,39.

 15/12/2016 às 15h10 - Redação ImperaNews, com informações da Agência Assembleia
O Projeto de Lei foi aprovado e encaminhado para a sanção do governador do Maranhão. (Foto: Agência Assembleia)
IMPERATRIZ - A Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema) aprovou, em sessão extraordinária, nesta quarta-feira (14), o Projeto de Lei nº 193/2016, de iniciativa do Ministério Público do Estado do Maranhão, que cria cargos no quadro de apoio técnico-administrativo, alterando a Lei Estadual nº 8.077, de 07 de janeiro de 2004.

Foram criados um cargo de Diretor de Secretaria (R$ 15.832,39), de Assessor de Gestão (R$ 9.163,34), de Chefe de Secretaria (R$ 4.771,09), três de Assessor Técnico III (R$ 3.339,76), quatro de Chefe de Seção (R$ 3.339,76), três de Assessor Técnico IV (R$ 2.838,79), 15 cargos efetivos de Analista Ministerial (varia de R$ R$ 6.508,94 a R$ R$ 6.508,94) e 25 de Técnico Ministerial (varia de R$ R$ 3.614,18 a R$ R$ 6.258,60) e, ainda, três Funções Comissionadas FC 01 (R$ 2.003,85) e FC 02 (R$ 3.339,75).

O Procurador Geral de Justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, justifica a criação dos novos cargos em cumprimento à orientação do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), por meio da Resolução nº 147, de 21 de junho de 2016, cuja determinação é de que as unidades ministeriais em todos os ramos no país devem alinhar os objetivos estratégicos propostos nos seus planejamentos estratégicos aos definidos no Planejamento Estratégico Nacional do Ministério Público.

Segundo Luiz Gonzaga, faz-se necessária, portanto, uma incrementação da gestão institucional, buscando implementar uma administração moderna, centrada no planejamento estratégico, que garanta a aplicação eficiente e socialmente justa dos recursos públicos, o aumento da capacidade de gestão, bem como a formação e manutenção de um corpo de servidores comprometidos com o interesse público.

O Projeto de Lei aprovado, em deferência aos membros e ao Dia Nacional do Ministério Público, comemorado nesta quarta-feira (14), foi encaminhado para a sanção do governador do Estado do Maranhão.

Último concurso
Em 2013, o Ministério Público do Maranhão realizou concurso público para oferta de mais de 100 vagas, sendo 22 para Analista Ministerial (nível superior), 50 para o cargo de Técnico-Administrativo (nível médio) e 32 vagas para técnico em execução de mandados (nível médio). Os salários oferecidos eram de até R$ 5,8 mil. As vagas oferecidas eram para lotação em São Luís, com exceção da vaga de Jornalista (Imperatriz). O concurso foi organizado pela Fundação Carlos Chagas.

Em 2015, o MPMA prorrogou a validade do concurso por mais dois anos. Portanto, em 2017, o órgão poderá ser autorizado a realizar concurso público para preenchimento tanto das novas vagas criadas quanto para os cargos ofertados no último concurso.

Confira abaixo a lista de vagas ofertadas no último certame:



Acompanhe mais informações sobre esse e outros concursos no Portal ImperaNews e por meio da página na rede social: www.fb.com/portalimperanews.

Redação Imperanews

Tecnologia do Blogger.